Home

1 de nov de 2011

Consórcio Garah Itxa capacita representantes de associações indígenaS



Participantes aprendem sobre atividades econômicas sustentáveis em terras indígenas
Curso Garahitxa
Foto: Acervo IEB



Participaram do curso 18 representantes de associações indígenas dos povos Suruí, Zoró, Gavião, Jamamadi, Jiahui, Mura, Parintintin, Tucano e Tupari que atuam no Corredor Etnoambiental Mondé-Kawahiba.
No dia 16 de setembro, aconteceu o encerramento do Curso Atividades Econômicas Sustentáveis em Terras Indígenas, na cidade de Cacoal, Rondônia. O curso foi uma iniciativa do Consórcio Garah Itxa que, com o apoio da USAID/Brasil, busca fortalecer os povos indígenas situados no Corredor Etnoambiental Mondé-Kawahiba, situado no sul do Amazonas, no leste de Rondônia e no noroeste de Mato Grosso.
Por meio de um processo de ensino e aprendizagem que valorizou práticas e saberes dos povos indígenas, os participantes partiram da suas próprias experiências e conhecimentos para construírem uma compreensão mais ampla sobre sua inserção no contexto do mercado capitalista.
O curso, que teve instrutores e palestrantes indígenas e não indígenas das mais variadas formações, formou indígenas com capacidade de refletir sobre a situação socioeconômica do seu povo e estimulou a promoção de ações produtivas sustentáveis em terras indígenas.
Além de incitar uma reflexão sistemática individual nos participantes sobre a realidade de seus respectivos povos indígenas, o curso também promoveu a realização de um diagnóstico socioeconômico coletivo da região do Corredor Etnoambiental Mondé-Kawahiba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário